<body><script type="text/javascript"> function setAttributeOnload(object, attribute, val) { if(window.addEventListener) { window.addEventListener('load', function(){ object[attribute] = val; }, false); } else { window.attachEvent('onload', function(){ object[attribute] = val; }); } } </script> <div id="navbar-iframe-container"></div> <script type="text/javascript" src="https://apis.google.com/js/plusone.js"></script> <script type="text/javascript"> gapi.load("gapi.iframes:gapi.iframes.style.bubble", function() { if (gapi.iframes && gapi.iframes.getContext) { gapi.iframes.getContext().openChild({ url: 'https://www.blogger.com/navbar.g?targetBlogID\x3d15488631\x26blogName\x3dPortagemBlog+-+A+ponte+entre+o+passad...\x26publishMode\x3dPUBLISH_MODE_BLOGSPOT\x26navbarType\x3dBLUE\x26layoutType\x3dCLASSIC\x26searchRoot\x3dhttp://portagemblog.blogspot.com/search\x26blogLocale\x3dpt_PT\x26v\x3d2\x26homepageUrl\x3dhttp://portagemblog.blogspot.com/\x26vt\x3d5720869566317118064', where: document.getElementById("navbar-iframe-container"), id: "navbar-iframe" }); } }); </script>

 

Marvão RockFest 2007

Clique na imagem para ampliar



Como já tinha sido referido pelo PortagemBlog, este ano Marvão conta com mais um festival “RockFest”. Nesta edição o evento conta com menos um dia no programa, contudo, por noite, actuarão mais bandas. O grande destaque vai para Dapunksportif e Bunnyranch no dia 22 e para The Poppers e Nigga Poison no dia 23.

O campismo e o estacionamento são grátis, a entrada para o festival tem o preço de 3 euros por um dia, ou 5 euros se pretender bilhete para os dois dias de RockFest.

Mais uma vez a organização é da Câmara Municipal de Marvão com o apoio da Delta Cafés e da cerveja Heineken.



 
 

7 Maravilhas de Portugal - Vote em Marvão

Clique na imagem para ampliar


Para que Marvão seja uma das 7 Maravilhas de Portugal vote:
Internet:
www.7maravilhas.pt
Telefone: 760 100 077 + código 03
SMS: texto "PORTUGAL 03" e envie para 3077

 
 

Electronique Desires no C.A.E.P.

Clique na imagem para ampliar

 
 

O Centro de Artes do Espectáculo de Portalegre apresenta: ELECTRONIQUE DESIRES - Festival de Música Electrónica (Actualizado)



Dia 01 de Junho – Electronique Desires – Mira Calix
Café Concerto
Inicio 23.00h
Preço único 6 euros




Chantal Passamonte é Mira Calix. Nasceu e cresceu na África do Sul, tendo-se mudado para Londres em 1991. Aí, trabalhou em lojas de discos, organizou festas de dança e começou a sua carreira como DJ, o que a levou a querer produzir a sua própria música.

Ao longo da sua já extensa carreira musical, Mira Calix tem colaborado como DJ com artistas tão diversos como Derrick May, Aphex Twin, Boards of Canada, Baby Ford e Hecker. Em festivais de música clássica e contemporânea tem re-trabalhado as obras de compositores tão importantes como Stockhausen e Steve Reich, com quem também já actuou ao vivo.
Foi DJ em festivais conceituados como o SONAR, em Glastonbury, no All Tomorrow’s Parties, etc.

O seu extenso vocabulário musical e conhecimento da história da música têm levado Calix a fazer as primeiras partes de bandas como Godspeed You! Black Emperor, Radiohead, Boards of Canada, Autechre, Pan Sonic, Plaid e Faust.
“Beleza que não é convencional” – Mojo
“Música inclassificável… De uma melancolia acessível” – The Observer
“Mágica, de nos fazer levantar voo… Pequenas palavras para nos perdermos em nós mesmos” 4/5 Muzik“De levantar os espíritos e de uma elegância extrema” – Uncut

Site da artista:
http://www.miracalix.com
Site da editora:
http://www.warprecords.com


Dia 02 de Junho – Electronique Desires – Chris Clark – Body Riddle
Café Concerto
Inicio 23.00h
Preço único 6 euros





Chris Clark, que recentemente encurtou o seu nome para apenas Clark, conseguiu com “Body Riddle”, o seu ultimo álbum, fundir graciosamente uma intensidade rítmica ao vivo com a vasta liberdade sónica dos programas electrónicos de computador, de forma a criar algo novo mas reconhecível ao mesmo tempo, que agrade e deslumbre fãs de música ambiciosa.

“Body Riddle” é de longe um dos álbuns recentes mais originais, preenchendo um vazio que se sentia na música electrónica, e nele Clark cria obras-primas análogas e obras de arremesso melódicas. Um balanço perfeito entre abstracção e concentração, este é um disco que deve elevá-lo ao nível dos artistas independentes cuja influência alcança lugares distantes e géneros musicais diferentes.

As suas recentes digressões e concertos com nomes conceituados da electrónica e pós-rock como os 65daysofstatic e Tortoise, enviaram a mensagem que, tal como estas bandas, Clark não deseja nem permitirá que os críticos o instalem num “ghetto” electrónico.
O seu novo som exige uma nova experiência ao vivo, e para quem quer algo no fio da navalha e algo de novo, Clark e “Body Riddle” é o indicado.


Dia 03 de Junho – Electronique Desires – Large Number
Café Concerto
Inicio 22.00h
Preço único 6 euros




O projecto Large Number é composto por Ann Shenton (ex-vocalista da carismática banda Add N to X), nas vozes e sintetizadores, Mick Bund (que já trabalhou com os Primal Scream e os Felt) na guitarra baixo, e Marc Hunter no Theremin.

Os Large Number têm feito diversas digressões na Europa e nos Estados Unidos, tendo recentemente colaborado com a banda Chicks on Speed na última digressão dos Red Hot Chili Peppers.

Em 2003, lançaram o seu álbum de estreia, “ Spray on Sound”, que recebeu críticas positivas e incessantes passagens na rádio por parte dos DJ’s mais conceituados da cena de música electrónica de Nova Iorque.
Depois de digressões pela Europa, América do Norte e América do Sul, os Large Number voltaram ao estúdio para gravar o mini álbum “Modern Horror”, lançado na Primavera de 2006.

“Mistura música ambiente de Ficção Científica com vocalizações puramente Punk”

“Música imprevisível da aclamada Grande Dama da Electrónica”


Site: http://www.largenumber.co.uk
Site da editora:
www.whitelabel-musique.co.uk




CENTRO DE ARTES DO ESPECTÁCULO DE PORTALEGRE
Praça da República, 39
7300-109 Portalegre
Tel.: 245 307 498
Fax.:245 307 544
mail: geral.caep@cm-portalegre.pt
web:
www.cm-portalegre.pt/caep

 
 

O Centro de Artes do Espectáculo de Portalegre apresenta: Mão Morta



Dia 19 de Maio – Mão Morta - Cantos de Maldoror
Grande Auditório
Inicio 22.00h
Preço único 10 euros



A partir de “Os Cantos de Maldoror”, a obra-prima literária que Isidore Ducasse, sob o pseudónimo de Conde de Lautréamont, deu à estampa nos finais do séc. XIX, os Mão Morta, com os dedos de alguns cúmplices, estruturaram um espectáculo singular onde a música brinca com o teatro, o vídeo e a declamação.

Aí se sucedem as vozes do herói Maldoror e do narrador Lautréamont, algumas imagens privilegiadas das muitas que povoam o livro, sem necessidade de um epílogo ou de uma linearidade narrativa, ao ritmo da fantasia infantil – o palco é o quarto de brinquedos, o espaço onde a criança brinca, onde cria e encarna personagens e histórias dando livre curso à imaginação.

Em similitude com a técnica narrativa presente nos Cantos, a criança mistura em si as vozes de autor, narrador e personagem, criando, interpretando e fazendo interpretar aos brinquedos/artefactos que manipula as visões e as histórias retiradas das páginas de Isidore Ducasse, dando-lhes tridimensionalidade e visibilidade plástica. O espectáculo é constituído pelo conjunto desses quadros/excertos, que se sucedem como canções mas encadeados uns nos outros, recorrendo à manipulação vídeo e à representação.

Como um mergulho no mundo terrível de Maldoror, povoado de caudas de peixe voadoras, de polvos alados, de homens com cabeça de pelicano, de cisnes carregando bigornas, de acoplamentos horrorosos, de naufrágios, de violações, de combates sem tréguas… Sai-se deste mundo por uma intervenção exterior, como quem acorda no meio de um pesadelo, como a criança que é chamada para o jantar a meio da brincadeira – sem epílogo, sem conclusão, sem continuação!



INTERVENIENTES

Texto Original:
Isidore Ducasse dito Conde de Lautréamont;
Selecção, Versão Portuguesa e Adaptação: Adolfo Luxúria Canibal;
Música: Miguel Pedro, Vasco Vaz, António Rafael e Mão Morta;
Encenação: António Durães;
Cenografia: Pedro Tudela;
Figurinos: Cláudia Ribeiro;
Vídeo: Nuno Tudela;
Desenho de Luz: Manuel Antunes;

Interpretação: Mão Morta (Adolfo Luxúria Canibal – voz / Miguel Pedro – electrónica e bateria / António Rafael – teclados e xilofone / Sapo – guitarra / Vasco Vaz – guitarra e xilofone / Joana Longobardi – baixo e contrabaixo);

Produção: Theatro Circo e IMETUA – Cooperativa Cultural



CENTRO DE ARTES DO ESPECTÁCULO DE PORTALEGRE
Praça da República, 39
7300-109 Portalegre
Tel.: 245 307 498
Fax.:245 307 544
mail:
geral.caep@cm-portalegre.pt
web:
www.cm-portalegre.pt/caep
blog:
www.caeportalegre.blogspot.com

 
 

VISITA DO CAMIÃO ROADSHOW DAS 7 MARAVILHAS - 12 E 13 DE MAIO

Clique na imagem para ampliar


E porque não aceitar o desafio, dar um passeio de fim-de-semana por Marvão e ver novos mundos e novas vistas sem quase sair do lugar?

Ah, e se o tempo assim o permitir, há sempre a hipótese de, como os pássaros, ver Marvão de cima, desde um balão de ar quente.

Aliciante...



 
 

A Primavera em Pele de Cortiça

















Aprecie a nossa nova colecção de Pastas em Pele de Cortiça decoradas com registos das Flores da nossa Primavera.

Visite a Loja Robinson e a sua vasta colecção de artigos em Cortiça.
Made in Portalegre.




ROBINSON INDÚSTRIA SA
Largo do Jardim Operário, nº 5
7300 096 Portalegre
Telef. 245 301 680
Fax. 245 330 412
E-mail:
robinsoncorticeira@gmail.com or info@robinson.pt

 
 

ARTIGO DE MARVÃO NO NEW YORK TIMES


Não é todos os dias que podemos ter o orgulho de nos vermos publicados num dos jornais mais conceituados de todo o mundo.

Mais que a honra da publicação no New York Times, fica o rasgado elogio às maravilhas de Marvão e um sincero convite à visita feita à escala planetária.

Fica a tradução possível, para mais tarde recordar…



 
 

O Centro de Artes do Espectáculo de Portalegre apresenta:




Dia 23 de Maio – Kronos Quartet
Grande Auditório
Inicio 22.00h
Preço único 25 euros
Bilhetes já disponivéis





David Harrington - violino
John Sherba - violino
Hank Dutt - viola
Jeffrey Zeigler - violoncelo

Há mais de 30 anos que os Kronos Quartet perseguem uma visão artística única, combinando o espírito e a coragem da exploração musical com o compromisso de expandir o alcance e o contexto do seu quarteto de cordas singular. Durante estes anos, os Kronos Quartet tornaram-se num dos mais respeitados e celebrados grupos contemporâneos, com inúmeras digressões pelo mundo inteiro, milhares de concertos, com mais de 40 álbuns lançados, vencendo inúmeros prémios, como o Grammy em 2003 para o álbum “Berg’s Lyric Suite” e o Prémio “Músicos do Ano”, da revista “Musical America".

Os Kronos Quartet têm gravado obras de compositores fundamentais do Século XX, como Bela Bartók, Shostakovich e Webern, compositores seus contemporâneos como Sofia Gubaidulina, Arvo Pärt e Alfred Schnittke, lendas do Jazz como Ornette Coleman, Charles Mingus e Thelonious Monk, e artistas tão díspares como Jimi Hendrix, o cantor Paquistanês Pandit Pran Nath, e o saxofonista avant-garde John Zorn.

Este conceituado quarteto também têm deixado a sua marca noutros meios para além da música. Nomeadamente, no Cinema colaboraram nas bandas sonoras de “A Vida não é um Sonho/ Requiem for a Dream”, “Heat – Cidade sob Pressão”, “21 Gramas”, o recente “The Fountain – O Último Capítulo”, etc, e na Dança, com coreógrafos tão talentosos como Merce Cunningham, Twyla Tharp e o duo Eiko & Koma.

Integral ao trabalho dos Kronos Quartet tem sido as colaborações recorrentes com artistas tão importantes como o “pai do Minimalismo”, Terry Riley; com o conhecido compositor Philip Glass, com o qual gravaram as bandas sonoras dos filmes “Mishima” e “Drácula” (a versão restaurada do clássico de 1931, com Bela Lugosi); Steve Reich, com quem gravaram o álbum “Different Trains”, vencedor de um Grammy, entre muitos outros colaboradores do mundo inteiro.
Têm também tocado ao vivo com artistas tão diversos e icónicos como o poeta “Beat” Allen Ginsberg, o Modern Jazz Quartet, o mítico cantor Tom Waits, a diva Betty Carter e David Bowie, e colaboraram ainda em álbuns de Dave Matthews, Nelly Furtado, Joan Armatrading, entre outros.

O mais recente álbum dos Kronos Quartet, “Ósongs are Sung”, é o culminar de uma colaboração de longa data com o compositor polaco Henryk Górecki, e terá estreia europeia no CAE de Portalegre.



CENTRO DE ARTES DO ESPECTÁCULO DE PORTALEGRE
Praça da República, 39
7300-109 Portalegre
Tel.: 245 307 498
Fax.:245 307 544